Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Intimidade Cor de Rosa

Intimidade Cor de Rosa

Dom | 29.05.16

Rope Skipping

   Rope skipping é, para quem não sabe, saltar à corda. É um desporto que junta acrobacias aos saltos, tanto pode ser praticado em grupo como individualmente, com uma ou duas cordas em simultâneo. 

   A associação portuguesa de rope skipping foi fundada em Braga no ano de 2011 e, pela primeira vez, em outubro do mesmo ano um grupo de atletas portugueses participou numa prova internacional, o IDDC – International Double Dutch Championships em Paris.

   Em 2012, Portugal organizou, na cidade berço, Guimarães, o European Masters and Youth Tornament. Foi a primeira organização internacional de Rope Skipping em Portugal.

   Rope Skipping tem a vantagem de poder ser praticado por pessoas de qualquer idade, com baixos custos e com benefícios para a saúde, como desenvolvimento do sistema cardiovascular ou o combate à osteoporose. A prática desta modalidade queima o triplo das calorias que a corrida (10 minutos correspondem a 30 minutos de corrida!). Ajuda ainda a desenvolver a resistência cárdio-respiratória, agilidade, coordenação, velocidade, resistência muscular, flexibilidade, ritmo e equilíbrio.

   Melhor que falar sobre a modalidade, é mostrá-la em prática. Existem vários vídeos na internet, ou de pessoas a ensinar, ou de atuações em diversos espetáculos. Aqui ficam alguns:

   Informações sobre a modalidade, datas de competições e mais podem ver no site da Associação Portuguesa de Rope Skipping.