Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Intimidade Cor de Rosa

Intimidade Cor de Rosa

Dom | 27.11.16

Domingo Musical!

Quando se ouve boa música fica-se com saudade de algo que nunca se teve e nunca se terá.

Samuel Howe

   De todos os tópicos, possíveis e imagináveis, acerca dos quais eu posso escrever, a música é, sem dúvida, o meu favorito. É algo que liga todas as pessoas e que é capaz de quebrar barreiras. Com ela, podemos sentir qualquer tipo de emoções.

   Hoje lembrei-me de recordar, aqui, alguns músicos e compositores que já morreram. Na minha opinião, foram grandes artistas e que, independentemente do tipo de vida que levavam, deixaram grande saudade e um grande trabalho. Aproveitem esta publicação para recordar ou, se for caso disso, para ficarem a conhecer grandes nomes da música portuguesa e internacional.

 

Carlos Paião

   Esta deve ser a música mais conhecida do Carlos Paião, certo? Todos já a ouviram em algum momento, de certeza.

   Este senhor nasceu em Coimbra, decorria o ano de 1957.

   Participou em 1980 no Festival RTP da Canção, mas não conseguiu ser apurado. Um ano depois voltou com PlayBack (outra bastante conhecida) e ganhou, passando à frente das Doce e do José Cid. Tem várias canções conhecidas como Cinderela, PlayBack ou Pó de Arroz.

   Uma curiosidade: Carlos Paião formou-se em medicina pela universidade de Lisboa, mas acabou por se dedicar em exclusivo à música.

   Morreu em 1988 num acidente de automóvel, quando ia para um concerto.

 

Zeca Afonso

   José Afonso, também conhecido por Zeca Afonso, nasceu em 1929.

   Aos três anos foi para Angola e a sua ligação com a natureza fez com que ele criasse uma grande ligação ao continente Africano.

  Andou no Liceu Nacional D. João III e na Faculdade de Letras de Coimbra. Pertenceu ao Orfeão Académico de Coimbra e à Tuna Académica dessa Universidade.

   As suas canções mais conhecidas são Grândola Vila Morena, Venham Mais Cinco, Os Vampiros "Eles Comem Tudo" ou Canção de Embalar.

   Morreu em 1987, vítima de esclerose lateral amiotrófica.

 

António Variações

   Este senhor nasceu no ano de 1944. Filho de camponeses, teve a sua infância dividida entre os estudos e trabalhos no campo para ajudar os pais.

   O início da sua carreira no mundo da música foi com o grupo Variações, com o qual começou a atrair atenções quer pelo seu visual quer pelo seu estilo musical que combinava vários géneros.

   Como temas mais conhecidos há Estou Além, É P'ra Amanhã ou O Corpo É Que Paga.

   Morreu em 1984, vítima de uma broncopneumonia.

 

Amália Rodrigues

   Amália é, talvez, a maior fadista que Portugal teve. Nasceu em 1920 e foi fadista e atriz.

   Estreou-se no teatro de revista em 1940, com a peça Ora Vai Tu. Apareceu em vários programas de televisão estrangeiros, tornando-se mundialmente conhecida como a Rainha do Fado. Quando aparecia nos programas, não só cantava fado como também outras canções de musical tradicional portuguesa, canções contemporâneas ou de origem estrangeira.

   As suas canções mais conhecidas são Gaivota, Primavera ou Foi Deus. 

   Morreu em 1999, de forma repentina.

 

Michael Jackson

   Michael Jackson, o rei da pop, foi cantor, compositor, dançarino, produtor, empresário, arranjador vocal, filantropo, pacifista e ativista americano. Com 11 anos, tornou-se cantor profissional ao participar como vocalista na banda Jackson 5, composta por ele e mais 4 irmãos. Nos anos 80, tornou-se uma figura dominante da música pop e o primeiro cantor afro-americano a receber exibição constante na MTV. 

   Como filantropo e humanista, Michael Jackson doou milhões de dólares ao longo da sua carreira a causas beneficentes.

   As suas canções mais conhecidas são Bad, Black or White ou Thriller.

   Morreu em 2009, vítima de paragem cardíaca.

 

Prince

   Prince foi um cantor, compositor, multi-instrumentista, produtor e dançarino norte-americano. Lançou mais de 35 discos e a sua música mistura diversos géneros como o funk, R&B, soul, jazz, rock, pop e hip hop. No seu primeiro disco, Prince tocou todos os instrumentos, bem como compôs a maioria das letras e produziu. 

   As suas canções mais conhecidas são Purple Rain, Kiss ou Let's Go Crazy.

   Morreu em 2016, com uma acidental overdose.

 

Amy Winehouse

   Amy Winehouse foi uma cantora e compositora britânica. Ficou conhecida pela sua voz e pela sua mistura eclética de géneros musicais como soul, jazz, R&B e ritmos como o ska. Iniciou-se numa carreira artística na adolescência e cedo despertou o interesse de representantes de companhias discográficas.

   As suas canções mais conhecidas são Rehab, Back to Black ou Valerie.

   Morreu em 2011, após ingestão excessiva de bebidas alcoólicas.

 

Freddie Mercury

   Para fechar a lista, não me poderia esquecer do grande Freddie Mercury.

   Freddie Mercury nasceu em 1946 e foi um cantor, pianista e compositor britânico. Ficou mundialmente famoso por fundar e ser vocalista da banda britância Queen. Tornou-se conhecido pela sua potente voz e pelas suas performances energéticas, que sempre envolviam a plateia. 

   As suas mais conhecidas canções são Somebody to Love, We Are The Champions ou Bohemian Rhapsody.

   Morreu em 1991,  vítima de broncopneumonia.

 

   Estes 8 artistas foram grandes no seu tempo e continuam a se-lo. Foram artistas que, independentemente da vida que levavam ou dos vícios que tinham, criaram grandes obras e tornaram-se ídolos para muita gente. 

   O grupo de grandes artistas não é somente formado por estes 8 cantores. Por todo o mundo houveram muitos como eles, mas para encurtar esta publicação, não puderam fazer parte desta lista.

   Um bom domingo a todos!

 

Fonte: Wikipedia